22.1.08

último balanço

2007.

De dor, profundo.

Profícuo
.

(20/01 - pensado em 12/01)

Nenhum comentário: